7.2.11

RØCIPES

Gazpacho Spaghetti
[Nova Criação™ Food]


Depois de ter comprado o meu kit para fazer esparguetes de agar na Cooking Lab, fiquei agarrado à experiência so-called "molecular" durante uns bons dois meses. Depois passou-me. Hoje reproduzo aqui, passo por passo, a confecção sensual e absoluta destes esparguetes de gaspacho, que fiz com a ajuda da Cátia e do Zé:



Num recipiente, coloco um pepino, um pimento verde, um pimento vermelho, uma cebola média e dois dentes de alho cortados em cubos e/ou picados. Junto água fria, vinagre branco, coentros frescos picados, uma colher de chá de pimentão doce, outra de sal grosso e uma chávena de bom azeite. Desfaço tudo em puré com a varinha mágica e reservo no frigorífico. Depois, pelo e desgrainho os tomates bem maduros e corto-os aos cubos. Tempero de sal e pimenta. Adiciono uns dois copos de sumo de tomate, uns golpes de azeite e uma mão cheia de coentros frescos picados. Levo ao lume brando até que os cubos de tomate amaciem e se desfaçam por completo. À parte, dissolvo duas colheres de sopa rasas de agar-agar em água morna e adiciono ao tomate. Deixo o agar-agar cozer durante alguns minutos e retiro do lume. Junto o preparado de tomate ao preparado de vegetais anterior e misturo bem. Encho um recipiente com água e cubos de gelo. Com a ajuda das seringas, encho os tubos de plástico com o gaspacho e coloco-os imediatamente na água gelada. Espero uns 30 segundos e, através da pressão de ar das seringas, retiro os esparguetes já gelificados do interior dos tubos para dentro de um outro recipiente. Vou repetindo este processo até à exaustão e com a ajuda da Cátia Pinheiro (munida de um segundo kit). Coloco os esparguetes no frigorífico. À parte, faço uma vinaigrette simples com azeite, vinagre balsâmico e cebolinho picado. Coloco uma porção de esparguetes em cada um dos pratos e rego com a vinaigrette. Finalizo com mais cebolinho picado e uma pitada de flor de sal. Comer com fatias de pão alentejano barradas com manteiga e alho.







 
2010