27.3.11

CHEF RÓ GOES ALENTEJO

PRESIDENTIAL DINNER

Domingo, 7 de Novembro. Começo o dia enfiado no Intermarché de Montemor-o-Novo, esse empreendimento extraordinário que ocupa 50% da sua área com produtos locais. Ir lá é praticamente a mesma coisa que ir a uma loja gourmet alentejana, mas pior. Ainda assim, é possível encontrar preciosidades, como por exemplo os produtos 100% biológicos da Herdade do Freixo do Meio. O alecrim por eles produzido é excepcional e foi o primeiro produto a ir parar ao cesto. Vai servir para aromatizar os bifes de atum que vou servir aos três Chefes de Estado que se encontram alojados no Convento da Saudação: Johannes Lernpeiss (Presidente da Áustria), Willy Prager (Presidente da Bulgária) e Eduard Gabia (Presidente da Roménia). É esta, portanto, a minha contribuição para o projecto neo-nacionalista dos três — um jantar hiper-requintado ao qual, inadvertidamente, chamei de "jantar real" (ia sendo espancado pela máfia balcânica...): gaspacho de amêndoa com crocante de toucinho fumado e maçã vermelha (entrada), tataki de atum com alecrim, creme de couve-flor, chutney de figos secos (prato) e pavlova à Chef Rø com amêndoa amarga de frutos vermelhos (sobremesa). Os Presidentes vestiram-se a rigor e não quiseram deixar de posar junto do Chef para a revista Karaš:












O jantar foi acompanhado por um excelso rosé da montemorense Plansel e servido no Salão Nobre, com a preciosa ajuda do nosso Ministro da Comida, que não quis deixar de marcar presença nesta mui grandiloquente visita oficial de três Chefes de Estado à Nação Alentejana, assim providenciando bracinhos e perninhas, que é pra isso que os Ministros servem... Os Presidentes comeram tudo até ao fim (porque estavam sem comer há mais de um mês) e depois aplaudiram.